O que me faz feliz em Toronto

Hoje é dia 15, e portanto, dia de #VidaNaGTA, onde outros blogueiros falam sobre o mesmo assunto, e o tema desse mês é “O que te faz feliz na sua cidade?”.

Quando pensei nesse tema, eu lembrei de muitas coisas boas que Toronto me proporciona:

Segurança

É claro que a gente precisa estar sempre atento e não “dar mole”, afinal, pessoas ruins existem em todos os lugares. Mas eu posso dizer que me sinto muito mais segura em Toronto do que no Rio. Que eu me lembre, eu fui assaltada lá 6 vezes, e numa dessas, tivemos nossa casa invadida.

O fato de você ligar pro 911 e alguém atender e enviar ajuda entra nessa categoria. Quantas vezes eu liguei pro 190, 192 ou 193 pra tocar, tocar e ninguém atender? Ou atender e dizer que não tinha viatura?

Preciso dizer que Toronto é uma cidade grande, e hoje em dia, não dá pra dar sorte pro azar. Toronto de hoje não é Toronto de 25 anos atrás, e temos visto o número de violência subir a cada dia por aqui. Mas ainda assim me sinto segura de sair com minha família e não me preocupar (tanto).

Natureza

Toronto tem mais de 1.500 parques. Não é preciso ir muito longe pra encontrar um e poder apreciar um pouco de tranquilidade dentro da cidade.

Em Toronto você também vai encontrar um monte de bichinhos, desde esquilos até raposas e até veado. Pra mim é uma emoção ver esses animais assim, no meio da cidade.

Ter as 4 estações definidas também é um ponto positivo. Poder curtir cada uma é uma delícia.

E não posso deixar de mencionar o lago Ontário. Apesar de não ter praia de água salgada, Toronto tem praias e o lakeshore, que renova minhas energias.

Emprego e oportunidades

Toronto, por ser uma cidade grande, oferece muitas oportunidades. Eu sempre vejo muitas vagas de emprego, e na minha área, TI, são inúmeras as oportunidades, com a grande vantagem de não ter que fazer equivalência, como em outras áreas.

Diversidade

Um outro ponto positivo de Toronto é a diversidade. A gente aprende muito sobre outros países e culturas, e por ser tão misturado, todos se respeitam.

Família

O fato de eu ter minha família toda aqui me faz muito feliz. Esse é o motivo principal de ser feliz em Toronto.

Mas…

Depois que eu comecei a escrever esse post, eu comecei a pensar mais sobre esse assunto, e me lembrei de uma conversa que tive há uns 15 anos atrás: não é o lugar que você mora que te faz feliz. Não são pessoas ou coisas ou situações que te fazem feliz.

Só você pode se fazer feliz.

Se você não está feliz onde você está hoje, é você que tem que mudar.

Não existe uma fórmula mágica que ofereça felicidade eterna. Cada pessoa é única, e o que traz felicidade pra uma, pode não trazer para outra. Então, não olhe para fora, olhe para dentro de você, para sua história, siga seu coração.

Bora ser feliz!

 

VidaNaGTA

Esse texto faz parte do projeto #VidaNaGTA , onde eu e outros blogueiros falamos mensalmente sobre assuntos relacionados a vida na cidade de Toronto e arredores.

Não deixe de ler os posts dos outros blogs participantes:

Gabriela | Gaby no Canadá
Sandra | Vamo Kombiná

You may also like...

3 Responses

  1. Gabriela says:

    Gostei muito da reflexão e concordo que temos que ser felizes agora e não esperar mudar de cidade ou país.

  2. Oi Paula, adorei a reflexão e concordo com você. A gente pode estar no lugar dos sonhos, mas se você não é feliz dentro da sua casa, nada disso tem valor!
    Que bom saber seus motivos para ser feliz em Toronto!
    Abraço!

  3. Livi says:

    Temos visões bem parecidas sobre morar aqui e concordo contigo, o lugar não é o mais importante, o que está dentro de cada um é que traz a felicidade. Beijos

Leave a Reply

%d bloggers like this: